Neste ano de 2020, há 15 novos navios que deverão escalar o Porto do Funchal, pela primeira vez.

A primeira escala terá lugar no próximo dia 13 de fevereiro, com o “Star Legend” e no mês de abril virão o “Scenic Eclipse”, no dia 23, e o “Seven Seas Splendor”, no dia 25.

Em junho, são esperados os navios “La Belle Des Oceans”, a 03, e o “Radiance” a 15, em setembro, temos o “Hebridean Sky”, a 18, e em outubro, mais dois, o “Iona”, a 14, e o “AIDAmar”, a 30.

No mês de novembro há cinco novas escalas, o “Carnival Legend”, a 03, o “Serenissima”, a 04, o “Spirit of the Adventure”, a 05, o “Silver Moon”, a 12, e o “World Voyager” a 17.

Dezembro traz duas novas escalas, do “Star Pride”, a 05, e do “Norwegian Guetaway”, a 10.

O Porto do Porto Santo recebe este ano, 16 escalas de navios de cruzeiro, revelando o esforço promocional que a Administração dos Portos tem feito na promoção daquela ilha nas reuniões com as companhias de cruzeiro.

Em 2019, o porto da “ilha dourada” perdeu três escalas e 94 passageiros, em comparação com 2018, quando atingiu as 10 escalas e os 2 274 passageiros.

Os navios que visitarão o Porto Santo este ano, são os seguintes:

”Hamburg”, a 18 de março

 “Seaborn Odyssey”, a 06 de abril

 “Le Champlain”, a 23 de abril

 “Deutschland”, a 05 de maio e a 07 de agosto

 “Amera”, a 10 de agosto

 “Amadea”, a 26 de setembro

“Hanseatic Inspiration”, a 21 de outubro

“Albatroz”, a 22 de outubro e a 11 de novembro

“Artania”, a 23 de outubro

“Serenissima”, a 03 de novembro

“World Voyager”, a 16 de novembro e a 03 de dezembro

“Serenissima”, a 17 e a 23 de novembro

A sessão de boas vindas aos navios, em primeira escala que visitarem primeiro o Porto Santo, será feita naquela ilha.

JANELA ÚNICA LOGÍSTICA (JUL)

PROJETO Nº POCI-04-2655-FC-000008

APOIO NO ÂMBITO DO REGIME DE APOIO A INFRAESTRUTURAS DE TRANSPORTES (RAIT)

IMPLEMENTAÇÃO DA JANELA ÚNICA PORTUÁRIA III/JANELA ÚNICA LOGÍSTICA (JUPIII/JUL)

 


SÍNTESE DO PROJETO:

O Projeto tem como objetivo a implementação em todos os portos nacionais e de uma solução informática integrada suportada por uma nova versão da JUP (JUPIII) com a finalidade de atualizar e estender o sistema JUP a toda a cadeia logística, integrando os meios de transportes terrestres e desenvolver ligações aos portos secos e plataformas logísticas, numa lógica intermodal.

A Operação permitirá assegurar uma maior fluidez da informação e aumentar a eficiência dos portos portugueses e das respetivas cadeias logísticas através da simplificação e desmaterialização dos procedimentos nos transportes no contexto nacional e internacional, a redução de custos administrativos e de tempos de trânsito de mercadorias e o aumento da eficiência e competitividade das cadeias logísticas.

Serão envolvidos no Projeto todas as administrações portuárias do Continente e Ilhas e os todos os atores relevantes que aceitem acompanhar a sua execução.


TRABALHOS A EXECUTAR:

O Projeto envolve a construção de um novo Modelo de Referência Nacional e a implementação da Janela Única Logística (JUL) em cada Administração Portuária, incluindo a instalação do Hardware e Software de base necessário ao seu funcionamento. A disseminação da JUL a nível nacional será precedida da execução de projetos-piloto nos portos da Madeira, Sines e Leixões, bem como a sua integração com a camada nacional. A Operação inclui ainda ações de gestão, coordenação e assistência técnica que se estenderão pelos 2 anos subsequentes.


PERÍODO DE EXECUÇÃO:

2018 e 2019


ESTADO DOS TRABALHOS:

Já foi adjudicado o concurso público internacional a um cluster de parceiros tecnológicos composto pelas seguintes empresas:
- Andrade Dias;
- Egapi;
- Indra Sistemas Portugal;
- Marlo;
- MitMyNid;
- Xperienz


No dia 5 de março de 2018 iniciaram-se os trabalhos para a 1ª fase do projeto – construção do modelo de referência nacional.

O equipa de projeto encontra-se a trabalhar já na 4ª fase do projeto - Testes e pilotos.

No iníco de abril de 2019, o 1º piloto da JUL arrancou em todos os portos da Madeira.

Atualizado em 03/04/2019

 

Janela Única Logística

Entre o fim de dezembro e o início de janeiro, a análise das estatísticas dos Portos da Madeira revelam recordes, no número de escalas e passageiros na passagem de ano, mas sobretudo, no movimento de passageiros durante o ano de 2019, o que coloca o Porto do Funchal como primeiro porto nacional.

Estes resultados refletem o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelo Governo Regional, através da APRAM, em articulação com os parceiros do sector, nomeadamente os agentes de navegação. Significa que a tradição ainda é o que era e que o Porto do Funchal continua a afirmar-se no corredor atlântico.

É a prova que o investimento na promoção do Porto Santo como paraíso ambiental e destino sobretudo, para determinados nichos de cruzeiro tem dado resultado; é a confirmação de que estamos na linha da frente dos portos nacionais, apesar de sermos pequenos e termos menos recursos.

É sem dúvida, mais uma motivação para o trabalho que temos de desenvolver em 2020, com persistência e criatividade, num mercado cada vez mais competitivo, mas onde os nossos portos estão em destaque e são âncoras na rota atlântica.

Neste novo ano, os madeirenses podem continuar a contar com o empenho e trabalho desta equipa APRAM.

Excelente 2020 a todos!

Paula Cabaço

Presidente do Conselho de Administração

Projeto ECOMARPORT

O Projeto ECOMARPORT (Transferência de tecnologia e ECO-inovação) para a gestão ambiental e MARinha em áreas PORTuárias da Macaronésia visa promover a I+D+i Marinho-Marítima das regiões Macaronésia europeias e africanas, implementando uma rede operacional de observação ambiental e marinha em termos de qualidade da água e do ar nos portos (verdes na Macaronésia), através do desenvolvimento e utilização de tecnologias avançadas, sustentáveis, geração de produtos e ferramentas de valor para todos os seus usuários, tudo através de transferência de tecnologia adequada e eficiente e a cooperação entre os setores público e privado no domínio da ciência e tecnologia marinho-marítimas, promovendo oportunidades de negócio no contexto do Crescimento da Azul. ECOMARPORT é um projeto de cooperação transfronteiriça enquadrado na chamada para propostas INTERREG-MAC 2014-2020 e diretamente em linha com a estratégia de promover a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação, sendo estes os seus objetivos, para promover o investimento das empresas em inovação, o desenvolvimento de ligações e sinergias entre empresas, centros de I+D e centros de ensino superior, com especial ênfase no desenvolvimento de produtos e serviços, a transferência de tecnologia, a inovação aberta através de uma especialização inteligente, apoiar a investigação de natureza tecnológica aplicada, linhas piloto e ações de validação dos produtos, a as capacidades de fabricação avançada e primeira produção em tecnologias chaves e a difusão de tecnologias multiúsos.

 

Para mais informações clicar no link em baixo.

http://www.ecomarport.eu

 

Ecomarport

 

FaLang translation system by Faboba