O Porto do Porto Santo celebra hoje 34 anos de existência, em vésperas de iniciar uma grande reparação que ascende a quase um milhão de euros.

Foi no dia 2 de julho de 1984 que o então Presidente da República, Ramalho Eanes inaugurou diversas infraestruturas na Madeira como a Marina e o Porto do Porto Santo.

Os dois matutinos regionais, “Diário de Notícias” e “Jornal da Madeira” deram eco das palavras do Presidente da República que na altura disse: “o Porto Santo começa finalmente a sentir a brisa do desenvolvimento”.

O porto era uma velha aspiração da população porto-santense e isso explica o ambiente festivo que se sentiu nesse dia, descrito assim pelo DN Madeira: “Barcos com bandeiras desfraldadas reforçavam a alegria de toda uma população que no seu porto põe agora a esperança de um futuro melhor, com a abertura de novas perspetivas e alargados horizontes.”

O Porto do Porto Santo custou mais de um milhão e meio de contos ao orçamento regional. Foi construído um cais acostável de 300 metros de comprimento, com fundos de seis e sete metros e um terrapleno destinado à movimentação de mercadorias de 20 mil metros quadrados.

 

FaLang translation system by Faboba