Notícias

Fim de ano 2019 com recorde de escalas e passageiros

2019-12-31

Pela primeira vez, numa passagem de ano, o Porto do Funchal recebe 13 navios de cruzeiro que trazem um total de quase 26 mil pessoas, entre passageiros e tripulantes.

A APRAM efetuou esta manhã, ações de charme e de promoção, no cais sul, cais norte e no cais de recreio do Porto do Funchal, onde estão a desembarcar e a embarcar os passageiros dos navios fundeados, mais de 8 mil turistas.

Recorde-se que em 1968, foi anunciada a presença de 14 navios, mas o mau tempo levou à mudança de rota, pelo que em 2019 supera-se aquele que foi até agora, o melhor número, 12, nomeadamente em 2007 e 2013.

O décimo terceiro navio acontece devido ao “AIDAcara” ter antecipado a sua vinda das 04h30 da madrugada do dia 1 de janeiro para as 20h00 de hoje.

Atracados nos cais norte e sul, estão, numa primeira fase, os navios “Ocean Majesty” e “Aurora” que chegaram ontem ao Porto do Funchal, mais o “AIDAstella” e “Queen Victoria”.  Em fundeadouro estão os navios ”Mein Schiff 3”, “Zenith”, “Saga Sapphire”, “Columbus”, “Marco Polo” e  “Marella Explorer”. O “Balmoral” chega por volta das 16h00 e fundeia, tal como o “AIDAcara” e o “Amera” que estão no Funchal às 20h00 e 21h30, respetivamente.

A partir das 17h30, largam do cais os navios “AIDAstella”, “Queen Victoria”, “Aurora” e “Ocean Majesty” e entram “Marella Explorer”, “Balmoral” e “Mein Schiff 3”.

Na noite de 01 de janeiro, entre as 00h30 e as 02h00, há 5 navios a sair, “Marco Polo”, “Columbus”, “Queen Victoria”, “Aurora” e “Zenith”. Às 05h30, parte o “AIDAstella”e às 08h00, o “Saga Sapphire”.

O “Amera” atraca no dia 01 de janeiro pelas 14h15 e o “AIDAcara” acosta logo a seguir, às 14h30, assim que saírem o “Mein Schiff 3” e o “Marella Explorer”. O “Balmoral” sai às 18h00, do dia 01 de janeiro, e o “Amera” às 20h00.

O final do ano de 2019 reflete aquele que foi um excelente ano para o Porto do Funchal.

 

IMG 0271

 

Ler mais...

Turnaround "Mein Schiff Herz" decorreu muito bem

2019-12-26

No Porto do Funchal decorreu hoje o primeiro turnaround médio do navio "Mein Schiff Herz" que movimentou 1163 desembarques, 1344 embarques e 10 aviões.

O Vice Presidente do Governo Regional, Pedro Calado quis assinalar esta operação, considerada estratégica para a região e para o Porto do Funchal como porto de cruzeiros.

Em declarações aos jornalistas, Pedro Calado fez questão de dizer que foi com grande satisfação que viu o sucesso deste “turnaround”, dado "o volume de passageiros e bagagens," e revelou que a Região "pretende atrair novas operações desta natureza e já existem contactos nesse sentido."

Pedro Calado salientou também o "empenho da Administração de Portos da Madeira (APRAM) e de todos os seus colaboradores" fazendo um agradecimento público por todo o trabalho desenvolvido para que toda a logística necessária fosse assegurada.

Até agora, as equipas da APRAM tinham muita experiência com turnarounds mais pequenos até 500 pessoas.  

Esta operação que implicou um grande planeamento começou por volta das 02h30 da madrugada, com a retirada das bagagens dos passageiros a desembarcar, depositando-as numa das salas da gare para depois serem levantadas pelos respeitovos proprietários, na saída para o aeroporto.

A meio da manhã começaram a chegar os passageiros a embarcar. Os primeiros não vieram hoje, chegaram mais cedo para conhecer a região, uma das mais valias do turnaround, ficar uns dias no destino, antes ou depois do cruzeiro.

O "Mein Schiff Herz" vai efetuar mais quatro tunrarounds no Porto do Funchal, entre janeiro e março.

 

Ler mais...

Condições meteorológicas inviabilizam turnaround

2019-12-04

O operador TUI e o Comandante do “Mein Schiff Herz” cancelaram há pouco, a operação de turnaround no Porto do Funchal e anteciparam a partida do navio para esta noite, às 22h00,  devido às condições meteorológicas que estão a condicionar o aeroporto da Madeira.

A funcionalidade aeroportuária é fundamental para a eficácia de um turnaround total que implica o desembarque de todos os passageiros no porto, regressando de avião a casa ou ao contrário, chegando de avião e embarcando no cruzeiro.  

Este era um possível constrangimento do conhecimento de todos os parceiros, envolvidos nesta operação, mas ainda assim, investiu-se neste desafio, dado o interesse estratégico, quer para a TUI, quer para a Região Autónoma da Madeira.

O “Mein Schiff Herz” tem como próximo destino as ilhas Canárias.

O Porto do Funchal tinha tudo preparado e devidamente testado durante meses,  com as equipas da TUI e do “Mein Schiff Herz” para este turnaround médio, com movimentos de passageiros entre 1000 a 1500 pessoas, por embarque ou por desembarque.

Ler mais...

Porto do Funchal: quase 500 mil passageiros em 11 meses

2019-12-02

O Porto do Funchal recebeu 496 231 passageiros, entre janeiro e novembro, nas 244 escalas dos navios de cruzeiro que visitaram a região, destacando-se o mês de novembro como o melhor dos últimos cinco anos.

Em comparação com o mesmo período do ano passado, registaram-se crescimentos que ultrapassaram os 10% no movimento de passageiros e os 3% no número de escalas..

No mesmo período, registaram-se 1248 embarques e 1395 desembarques e um movimento de 187 194 tripulantes.

O passado mês de novembro foi o melhor dos últimos cinco anos, com 53 escalas (+13%) e 92 290 passageiros, (+18%), relativamente ao período homólogo de 2018. O crescimento percentual traduziu-se em mais 6 escalas e 14 441 passageiros.

Neste mesmo mês, registou-se um movimento de 37 556 tripulantes, mais 4 547 tripulantes,  458 desembarques, mais 185 desembarques e 155 embarques, menos 49 embarques.

Para a Presidente do Conselho de Administração da APRAM, Paula Cabaço,  o acumulado nos últimos 11 meses confirma o Porto do Funchal na linha da frente dos portos portugueses.

Ler mais...

Novo CA – As primeiras semanas

2019-12-02

Paula Cristina de Araújo Dias Cabaço da Silva é a nova Presidente do Conselho de Administração da APRAM, tendo como número dois Isabel Alexandra Vieira de Brito Figueiroa.

O terceiro elemento Romain Pinto não tem funções executivas.

A nova Presidente da APRAM nasceu em Luanda e licenciou-se pelo Instituto Superior de Agronomia, da Universidade Técnica de Lisboa. Tem pós-graduações em Marketing e Gestão Pública e curso avançado em gestão Pública.

Foi Secretária Regional do Turismo e Cultura de 20 de outubro até ao final de mandato do anterior governo de Miguel Albuquerque.

Antes tinha desempenhado vários cargos públicos, com destaque para o de Presidente do Conselho Diretivo do Instituto do Vinho, do Bordado e do Artesanato da Madeira, IP, IVBAM, onde ganhou notoriedade pública e o reconhecimento pelo trabalho efetuado na promoção e divulgação do Vinho Madeira.

Isabel Alexandra Vieira de Brito Figueiroa nasceu no Funchal e licenciou-se pela Faculdade de Direito de Lisboa. Desempenhou vários cargos na administração e empresas públicas nas áreas jurídicas e dos recursos humanos.

Não é a primeira vez que trabalha com Paula Cabaço, tendo-a acompanhado no Conselho Diretivo do IVBAM e mais tarde, como sua chefe de gabinete na Secretaria do Turismo e Cultura.

As primeiras semanas das duas administradoras executivas da APRAM têm sido intensas quer no estudo de dossiers, nos contactos com os colaboradores e stakeholders como também na representação da empresa no exterior.

Ler mais...

FaLang translation system by Faboba