O movimento de mercadorias nos portos da Madeira atingiu 1 014 250 toneladas, entre janeiro e setembro deste ano, o que traduz um aumento de 6%, face ao período homólogo de 2015.

A carga contentorizada representou 648 334 toneladas do total do movimento, mais 24 474 toneladas, comparativamente aos primeiros nove meses de 2015 ou seja, um acréscimo de 4%.

Apesar da carga contentorizada ter muito mais peso no movimento de mercadorias nos portos da Madeira, destaca-se o crescimento em 39% da carga geral, que atingiu as 23 221 toneladas até setembro deste ano, enquanto que no mesmo período de 2015 foi de 16 712 toneladas.

Neste período, entraram nos portos da Madeira 809 527 toneladas de mercadorias, mais 6% do que em 2015. A carga exportada atingiu as 204 723 toneladas, cresceu 4%, face aos meses homólogos do ano anterior.

A importação de graneis sólidos subiu 17%, registando-se 102 695 toneladas, mais 15 254 toneladas.

A tendência de crescimento verificou-se igualmente, na entrada de granéis líquidos, mais 3%, tendo-se verificado um movimento de 240 000 toneladas, mais 8074 toneladas que no mesmo período de 2015.

O Porto do Caniçal, o porto comercial da região dedicado exclusivamente à carga, movimentando cerca de 97% da totalidade da carga da RAM, cresceu em todas as variantes nos primeiros nove meses deste ano, em comparação com os nove primeiros meses do ano passado.

Até setembro, naquele porto o número de contentores cresceu 6% e 7% em TEU´s[, contribuindo para o aumento em 20% da tonelagem movimentada, com um total de 728 292 toneladas, contra as 607 143 toneladas, registadas no mesmo período do ano anterior.

A carga geral movimentada no Porto do Caniçal aumentou 40%, situando-se nas 23 151 toneladas, (16 658 de janeiro a setembro de 2015).

FaLang translation system by Faboba