No mercado mundial, há hoje 386 navios de cruzeiro a funcionar que equivalem a 563 mil camas. Em 2023, esse número sobe para 459 navios e em 2027, será de 472, o que significa 746 mil e 784 mil camas, respetivamente, segundo dados recentes da CLIA, a Associação das Companhias de Cruzeiro.

Só em 2019, deverão ficar concluídos e entregues 24 novos navios que representam 42 488 novas camas.

Destes novos navios, cinco fazem primeira escala na Madeira. Um, de grande porte, o novo “Mein Schiff 2” que está colocado nesta rota. Os outros 4 são navios mais pequenos, abaixo dos mil passageiros: “Hanseatic Nature”, “Hanseatic Inspiration”, “World Explorer” e “Spirit Discovery”.~

Os Portos da Madeira recebem este ano um total de oito novas escalas.

Relativamente ao número de passageiros, há um movimento de 27 mil milhões de passageiros e as previsões apontam para em 2023 esse número crescer para 36,9 mil milhões e em 2027, para 39,5 mil milhões.

É, pois, uma indústria em expansão, o que faz com que na região, o Governo Regional e a APRAM estejam a tentar criar respostas atempadas aos novos desafios. Desde já, o facto de a grande maioria dos novos navios serem bem maiores e das infraestruturas portuárias precisarem de se adaptar a essa nova realidade.

FaLang translation system by Faboba